HISTÓRIA E GASTRONOMIA BRASILEIRA – REGIÃO NORDESTE – BAHIA

Scroll down to content

Aehh Baêaaa!!!

Bahia sem Acarajé, não existe. Acarajé sem baiana com seu tabuleiro, não é Bahia.

Com sua gastronomia variada, autentica e influenciada pela cultura africana, com seus temperos e condimentos trazidos pelos escravos vindos de Angola, Moçambique, Costa do Marfim, Nigéria, Libéria entre outros, ditaram o toque especial da cozinha baiana.

Além disso temos também influencias indígenas e portuguesas, e os pratos icônicos feitos pelos escravos nas senzalas com as sobras daquilo que os “senhores” não consumiam.

Com isso temos uma grande mistura de sabores e ingredientes gerando uma variedade de comidas sensacionais.

Sua gastronomia sofre forte influencia da cultura religiosa, do candomblé, com suas oferendas aos orixás, seguindo o ritual e o sabor das tradições africanas.

Herança dos índios, a utilização de frutas, peixes e plantas locais, e dos portugueses o uso do açúcar, fogões e panelas, suas cores e sabores, estão em toda a gastronomia, e tornam tudo muito saboroso, apimentado e acima de tudo delicioso. (A e B)

 Moqueca de Camarão (1)

 Ingredientes 

  • 1 Kg de camarão médio sem casca
  • 2 dentes de alho
  • 4 tomates picados
  • 2 cebolas grandes picadas
  • 1 pimentão pequeno picado
  • 12 galhos de coentro picados
  • suco de 2 limões
  • 4 xícaras de leite de coco bem grosso
  • 3 colheres de sopa de azeite de oliva
  • 2 colheres de sopa de azeite de dendê
  • 1 colher de sobremesa de sal

Modo Preparo 

  • Descasque os camarões, limpe bem e lave com água e suco de 2 limões
  • Amasse o alho
  • Tempere os camarões, deixando descansar na geladeira por pelo menos ½ hora
  • Amasse os temperos e divida em duas partes
  • Com uma parte tempere os camarões e coloque os numa panela funda, junte o leite de coco e leve ao fogo, mexendo sem parar até ferver
  • Acrescente o azeite de oliva e o restante do tempero e deixe ferver mais
  • Por último, coloque o dendê e deixe por 2 minutos
  • Sirva com pirão, arroz e farofa de dendê.

Frigideira de Marisco (2)

Ingredientes

  • 2 kg de marisco (camarão, ostra, siri/caranguejo catado)
  • 2 espetos de camarão defumado
  •  2 tomates
  •  3 cebolas
  •  1 pimentão
  •  ½ molho de coentro
  •  3 dentes de alho
  •  2 limões
  •  sal a gosto
  •  3 colheres de sopa de azeite de oliva
  •  1 pitada de farinha de trigo
  •  1 xícara de leite de coco grosso
  •  8 ovos
  •  azeitonas verdes

Modo Preparo 

  • Lave com bastante limão o filé do marisco. Separe 500 g do marisco, cozinhe em um litro de água, coe e reserve o caldo
  • Ponha o camarão defumado de molho em água por uma hora, depois passe-o num moedor
  • Pique a cebola bem miúda e coloque-a para refogar no azeite de oliva
  • Junte o filé de marisco e o camarão seco ao refogado de cebola
  • Pique muito bem os tomates, o pimentão, o coentro e o alho e acrescente ao refogado, temperando com sal
  • Junte o caldo do cozimento do marisco e deixe cozinhar até ficar quase sem caldo.
  • Acrescente, no final, o leite de coco
  • Bata bem os ovos (claras e gemas juntas), com uma pitada de farinha de trigo.
  • Misture um pouco dos ovos batidos ao refogado
  • Unte uma assadeira ou travessa refratária com azeite de oliva, coloque o refogado e, por cima, os ovos batidos
  • Enfeite com argolas de cebola, com as azeitonas no centro
  • Leve ao forno quente até que a superfície fique dourada

Acompanhe nossas Midias Sociais

      

 

Fontes:
(A) www.visiteobrasil.com.br
(B) www.guiadoturismobrasil.com
(1 e 2) 
http://www.comidaereceitas.com.br

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: