Congo – História, Gastronomia e Cultura

Scroll down to content

No decurso da sua expansão comercial marítima, os portugueses entraram em contacto com as várias culturas que se consolidaram ao longo da costa e outras partes do interior do continente africano. Quando o navegador português Diogo Cão chegou à foz do rio Zaire em 1483, ele estabeleceu um governo monárquico fortemente estruturado chamado Congo.

Este estado centralizado foi estabelecido por volta do século 14 e governou as regiões central e ocidental da África. Há um grande número de províncias na região e vários grupos de Bantu, principalmente Bakongo, ocuparam o território. Apesar de sua aparência centralizada, o Reino do Congo também tem administradores locais de famílias antigas ou selecionados pela própria autoridade do monarca.

Apesar dessas subdivisões na estrutura política do Congo, o rei conhecido como manicongo tem o direito de receber tributo de cada província governada.

No processo de expansão comercial marítima, os portugueses entraram em contacto com as várias culturas que se consolidaram ao longo da costa e outras partes do interior do continente africano. Quando o navegador português Diogo Cão chegou à foz do Zaire em 1483, ele estabeleceu um governo monárquico fortemente estruturado chamado Congo.

Este estado centralizado foi estabelecido por volta do século 14 e governou as regiões central e ocidental da África. Existem muitas províncias na área e vários grupos Bantu, principalmente Bakongo, ocuparam a área. Apesar do surgimento da centralização, o Reino do Congo também tem administradores locais de famílias antigas ou eleitos pela própria autoridade do monarca.

Apesar dessas subdivisões na estrutura política do Congo, o rei conhecido como manicongo tem o direito de receber tributos de cada província governada.

Em São Paulo, você pode viajar o mundo em termos de gastronomia e você também pode conhecer o sabor da culinária congolesa, graças ao esforço de Pitchou Luambo, da Congolinária, que veio para o Brasil há mais ou menos seis anos.

Vamos conferir o Kitoor ele acompanha galinha ou peixe, mas é bom frisar, como já é de um sabor bastante forte, os alimentos são feitos com poucos temperos.

INGREDIENTES PARA O MOLHO

  • 300g de folhas de couve
  • 300g de amendoim moído
  • 2 dentes de alho
  • 1 cebola grande
  • ¼ de pimentão
  • 50g de camarão seco moído
  • 1 tomate médio
  • 200ml de óleo de soja
  • Sal a gosto
  • Coentro a gosto

MODO DE PREPARO DO MOLHO

  • Pique a couve e cozinhe-a em água até que ela solte seu verdor.
  • Retire-a da água e deixe-a de lado. Bata os camarões secos moídos no liquidificador.
  • Pique o tomate, a cebola e o pimentão e então frite-os por cerca de 15 minutos, até o tomate virar pasta.
  • Na mesma panela, acrescente a couve picada e coentro a gosto e mexa continuamente por mais 5 minutos.
  • Em seguida, coloque o amendoim moído e mexa a mistura até que fique homogênea.
  • Acrescente o camarão moído e, opcionalmente, algum tempero pronto de sua escolha.
  • Mexa até a homogeneidade e gradualmente acrescente 250 ml de água, tomando cuidado para que os ingredientes se espalhem bem e que o amendoim não se aglutine no processo.
  • Ferva por 15 minutos e acrescente sal e pimenta a gosto.

ACOMPANHAMENTO SUGERIDO

Inhame e Corvina

MODO DE PREPARO DOS ACOMPANHAMENTOS

  • Lave bem o inhame e cozinhe-o imerso em água, em uma panela de pressão por uma hora e meia usando fogo médio.
  • Opcionalmente, acrescente uma colher de sopa de sal.
  • Frite o peixe em uma frigideira com um pouco de óleo por 5 minutos, acrescentando 100 ml de água em seguida.
  • Deixe cozinhar em fogo baixo por 10 minutos e tempere com sal a gosto.

Fontes:

https://congolinaria.com.br/

https://www.hypeness.com.br/

https://mundoeducacao.uol.com.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: